O que você precisa saber sobre Febre Amarela

Em áreas urbanas, a febre amarela é transmitida principalmente pelo
mosquito Aedes aegypti, o mesmo da dengue.

Nas áreas silvestres, o vírus
também é encontrado em macacos, seus hospedeiros intermediários — ao
picar o animal, o mosquito é contaminado e passa a infectar humanos.

No Brasil estão disponíveis duas vacinas: a produzida por Biomanguinhos
– Fiocruz, utilizada pela rede pública, e a produzida pela Sanofi
Pasteur, utilizada pela rede privada.  Ambas são elaboradas a partir de
vírus vivo atenuado, cultivado em ovo de galinha. Ambas têm perfil de
segurança e eficácia semelhantes (estimada em 95%).

Indicação:
Crianças a partir de 9 meses de idade, adolescentes e adultos que vivem
em regiões brasileiras classificadas como áreas de recomendação de
vacinação, ou em viagem nacional/internacional de risco para a doença,
ou com obrigatoriedade de comprovação da vacinação.

A comprovação de vacinação é exigida por alguns países a viajantes
brasileiros, já que o Brasil é considerado endêmico para a doença. Veja
a lista completa no site https://viajante.anvisa.gov.br/viajante/

Esquema de doses:
Nas áreas brasileiras com recomendação de vacina:
– Rotina: dose única a partir dos 9 meses.
– Crianças, adolescentes e adultos que já tenham recebido uma dose não
precisam ser vacinados novamente.
– Viajantes para áreas com recomendação ou países que exigem o CIVP
(Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia) é recomendada a
comprovação de apenas uma dose na vida.
* Em situações de exigência da vacinação, a dose deve ter sido aplicada
no mínimo dez dias antes da viagem.

Leave a Comment